top of page

Fuga da História? Por Domenico Losurdo

Por Darlan Reis Jr., professor de História.


Indicação de leitura, o livro "Fuga da História. A Revolução Russa e a Revolução Chinesa vistas de hoje", de autoria de Domenico Losurdo, publicado no Brasil pela Editora Revan.




Ao mesmo tempo em que faz a crítica das ações e do pensamento revolucionário, Losurdo analisa as novas formas de contestação ao capitalismo, além de contestar o anticomunismo de vários setores ditos progressistas e o fascínio desses pela derrota e pelo "martírio".

Trecho da contracapa:


"A história das perseguições sofridas por grupos étnicos ou religiosos nos coloca diante de um fenômeno singular, Em um determinado momento, as vítimas tendem a adotar como seu o ponto de vista dos opressores e começam até mesmo a desprezar e odiar a si mesmas. [...] Entre os vários problemas que afligem o movimento comunista, o da autofobia não é certamente o menor. [...]
É óbvio que a luta contra a praga da autofobia resultará tanto mais eficaz quanto mais radicalmente crítico e sem preconceito for o balanço da grande e fascinantes experiência histórica iniciada com a Revolução de Outubro. Porém, apesar das assonâncias, autocrítica e autofobia constituem duas posições antiéticas. Em seu rigor, e até mesmo em seu radicalismo, a autocrítica exprime a consciência da necessidade de acertar contas com a própria história; a autofobia é a fuga vil desta história e da realidade da luta ideológica e cultural que sob ela ainda arde. Se a autocrítica é o pressuposto da reconstrução da identidade comunista, a autofobia é o sinônimo da capitulação e da renúncia a uma identidade autônoma".

Segundo o site Margem Sul é preciso ler "Fuga da História" porque:


"Em primeiro lugar o livro é uma belíssima defesa da experiência socialista, colocando em perspectiva histórica o processo de luta por emancipação da classe trabalhadora dentro do contexto mais amplo da história da humanidade. É leitura obrigatória de todo militante comunista ou socialista. Para além da tese que contrapõe falência e traição a um processo de aprendizagem para compreender as experiências socialistas, o seu ensaio de abertura aonde desnuda a hipocrisia de uma esquerda revolucionária domesticada que adere ao discurso do invasor romano pelo medo de ser confundida com aqueles que resistem ao império é extremamente necessário. A análise de Losurdo derruba um a um os mitos tão aclamados pela esquerda que vive de lamber as próprias feridas e fazer coro com seu inimigo de classe".


Isso é fundamental, não confundir autocrítica com autofobia, não fazer coro com os inimigos de classe, não repetir os erros do passado e também não capitular frente a ofensiva dos defensores da ordem capitalista, tão cruel, desumana e hipócrita.


Título: FUGA DA HISTORIA? A REVOLUÇAO RUSSA E A REVOLUÇAO CHINESA VISTAS DE HOJE - 1ªED. (2004)

isbn:9788571063051

idioma:Português

encadernação:Brochura

formato:14 x 21

páginas:208

ano de edição:2004

edição:1ª

outras informações:1ª reimpressão da 1ª edição em 2009.


Ler no formato pdf.

Commenti


bottom of page